Recomeçar

          Hoje parei para pensar no motivo de, na maioria das vezes, nós meninas sermos tão sensíveis e frágeis. As coisas são assim por natureza, a maior parte dos homens age pela razão e a maior parte das mulheres pela emoção… Mas por que tem que ser assim?

          Deveríamos manter os pés no chão, a não ser que tivéssemos uma boa e convincente razão para voar. Deveríamos não acreditar em tudo que eles dizem e não depender apenas de amor para viver! Sim, podemos ser felizes sozinhas, nós com nós mesmas, com nossos amigos e famílias. Quando for para ser, a pessoa certa vai chegar, na hora certa, quando você estiver preparada, acredite. Não necessitamos daquele alguém para sorrir. Porque ele… Não precisa de nós também. Já pensou nisso alguma vez? Enquanto você está aí, derramando inúmeras lágrimas pelo passado e lamentando porque o perdeu, ele pode estar vivendo com intensidade o presente, te guardando como apenas uma boa lembrança, mas que acabou.

          Por isso, a partir de hoje… Saia, divirta-se, grite, ria, estude, viaje, trabalhe, abrace, beije, arrisque-se! Tudo isso com um sorriso no rosto e força de vontade de vencer todos os obstáculos e poder sentir o gosto da vitória no final. E mesmo se o gosto for algumas vezes o da derrota… Que seja com a cabeça erguida, com orgulho de ter tentado e com a certeza de que se não foi dessa vez, virá algo bem melhor pela frente. Você deve estar pensando… “E o ame, apaixone-se e chore, onde estão?” Esse é o ponto. Ame muito, apaixone-se, mas lembre-se sempre de que não devemos nos alimentar somente desse sentimento, pois nossa existência vai além disso. Devemos dar amor àqueles que o fazem por merecer. E se for chorar, chore sem medo, sem vergonha de demonstrar o que sente. Só não se esqueça de que se estiver assim por ele… Quando passa a te fazer mal, algo está errado. Se ele realmente fosse digno de suas lágrimas, não a faria chorar tanto assim; e se, por ventura o fizesse, ao menos estaria aí, secando-as.

          O que estamos fazendo? Tão novas, mas ao mesmo tempo tão angustiadas! A vida é muito curta para perdermos tempo sofrendo por algo que já passou. Amanhã vou acordar sorrindo, determinada a ser feliz, pronta para dar valor a cada minuto do dia, consciente de que muitas pessoas no mundo se importam comigo para eu me desgastar dependendo de um simples menino para ficar bem. Vou fazer tudo valer a pena! Voar? Só por quem provar que não vai me deixar cair, e se um dia por acidente deixar, vai estar lá para me segurar. Meninas unidas podem tudo, somos livres! Quem vem comigo? 😉

beijinhos

 
 

Cabelo: Do castanho para o loiro

Meu sonho sempre foi ser loira, desde pequenininha sempre quis isso, mas minha mãe não deixa eu pintar o cabelo de jeito nenhum! A cor original do meu cabelo é castanho médio, mas há alguns meses ela deixou eu fazer luzes. Porém, como ela não gostou do resultado, por não gostar de cabelos loiros, não deixou eu retocar as luzes e meu cabelo, com o tempo, acabou ficando com a cor da raiz aparecendo.

Por um milagre, num final de semana há um tempinho ela acabou deixando -na verdade, ela deixou só se eu cortasse “3 dedos” do meu cabelo, já que eu não queria cortar, porque tô deixando ele crescer- eu fazer mais luzes (mas bem pouquinho, segundo ela), só pra raiz sumir e a cor do meu cabelo ficar uniforme. Mas, quando chegamos lá no salão de beleza, aconteceu mais um milagre… =P Minha mãe acabou deixando eu fazer mechas californianas!

O procedimento foi o seguinte: A cabeleireira “cobriu” com tinta (do mesmo tom do meu cabelo com as luzes) apenas a parte que estava aparecendo da minha raiz, igualando toda a cor do cabelo, que ficou em um tom castanho claro. Depois disso, fez californianas no meu cabelo todo, pra ele ficar loiro sem ficar artificial, mas com a raiz com uma cor um pouco mais escura do que o resto (a própria cor original do meu cabelo), pra que eu não precise mais retocar a raiz, se minha mãe não deixar.

O que acharam? *-* Sinceridade, hein!

beijinhos

 
 

Página 202 de 202« Primeira...102030...198199200201202


Renata Rocha ou Rê, 23 anos, mineira de BH. Estudante de jornalismo, trabalha em uma revista e é completamente apaixonada por escrever. Louca pelo universo feminino, ama falar sobre beleza e tudo relacionado à maquiagem, cabelos e unhas – o que faz há 5 anos neste blog. Pisciana com o coração do tamanho do mundo, vive de sonhos e palavras!




snapchat













Load More


Coloque seu e-mail e receba os posts do blog:



Long Prom Dresses UK
Get inspired from QueenaBelle's new style Prom Dresses UK. Browse the full dress collection of cheap prom dresses and evening dresses from queenabelle.co.uk.





Eu Sou do CBBlogers